28 de fev de 2009

LOOKING FOR

I`m not looking for doubts
I`m looking for answers
I`m looking for feelings
That I can`t even measure

In a cloudy night
I`m looking for stars
I`m looking for songs
And solo Guitars

I`m waiting a moment together
More than one or two
And I realize I have this
When I`m here with you.

Mah Leite 28/02/09

26 de fev de 2009

Notas sobre um Carnaval inesquecivel...

Conhecer novas cidades, novas pessoas, conviver com novos tipos (aqueles tipos q acordam às 7h q eu odeio) e perceber que mesmo sendo novo as pessoas ainda conseguem captar a sua essência e no final das contas, novos ou velhos, eu continuo, louca, desvairada, monstra, atentada, surtada, elétrica e qq coisa que minha hiperatividade revele... mas completamente compreendida e bem aceita por mim... esse fds me esgotou, mas ao mesmo tempo me trouxe gás pra começar algo... como se eu tivesse acabado de pular as 7 ondinhas da Praia da Barra, esquisito né... mas no ano novo sinto q ainda estava presa à uma âncora de 2008 e no Carnaval me libertei, na Quarta Feira de Cinzas ressurgi do pó como a Fênix... estranho, mto estranho... pensando que talvez tenha nome, sem querer dizer qual é, sem coragem pra assumir quão trouxa eu costumo ser... Cah, realmente não sobe a serra, mas desce??? Era essa a teoria... ponho a cavalaria inteira na frente da carroça, sempre, pq quem espera sempre cansa... e quem desespera também (onde estaria o meio termo)... mas tem algumas coisa que eu naum resisto... carinho e poesia... q eu posso fazer se sou fraca e previsível? Tô aqui em sampa, alugando o micro do meu mano o dia inteiro pra descarregar minhas alegrias de festa e torcendo pra que minha saia baiana de reveillon volte com a alegria do meu carnaval... q eu ainda tenho uma paradis pra resolver né naum???

Será que alguém entendeu? Nem eu... Mas minha cabeça funciona mais rápido q meus dedos e que o teclado do Dani... e as frases saem meio desconjuntadas, sem nexo... eh complexo eu sei... faz um esforço q eu te explico depois, pode ser?

E poderia ter uma marchinha tipow:

"É MARICOTA COM A DIREITA
É MARICOTA COM A CANHOTA
ENBODOCOU A MINHA VARA, MARICOTA
VEJA QUE TAMANHO TÁ"

Super no contexto, já que ganhei de brinde um CD de marchinhas (naum resisto a presentinhos tb, descobriu mtos segredos em 1 dia)

Mas preciso cantar outra coisa...

"EU VOU CUIDAR, EU CUIDAREI DELE
EU VOU CUIDAR DO SEU JARDIM
EU VOU CUIDAR, EU CUIDAREI MUITO BEM DELE
EU VOU CUIDAR, EU CUIDAREI DO SEU JANTAR
DO CÉU E DO MAR
E DE VOCÊ E DE MIM"

p.r.o.c.u.r.o...a.l.í.v.í.o...i.m.e.d.i.a.t.o

6 de fev de 2009

NÃO PRECISO DE SUA AJUDA...

...SÓ NÃO QUERO SEGUIR SOZINHA.


Querer não é poder e comigo então, menos ainda. Tô querendo uma companhia quem me acompanhe na minha liberdade e que não me estresse nem me preocupe, tô querendo menos ciúmes e mais confiança, tô querendo programa família, programa tosko, programa de índio, cult, alternativo e todos os programas diferentes que se pode fazer a dois ou em gang. Tô querendo ter cada vez mais pessoas diferentes... tô botando os pés pelas mãos, procuro um amigo "with benefits". Sei que sou precipitada em quase tudo e essa insegurança que me mata e não consigo evitar a comparação, que me deixa em uma dúvida absurda sempre que eu penso... quero o mundo! E uma pessoa só para estar do meu lado, mas ainda não sei quem, nem sei se já a encontrei (o que me causa mais pânico)... queria um guru do Gugu pra me dizer qdo eu estivesse com alguém "Sim... Não... Talvez" olha pq eu ando mais perdida que cego em tiroteio, que cachorro em dia de mudança, que filho de put* em dia dos pais... Essa sensação de fracasso é eterna? Espero que não... eu quero chegar mais pra frente e pensar... MEU! QUE ANO FODA... MAS VALEU A PENA! TINHA QUE SER DESSE JEITO! Pq ainda acredito que só com a desestrutura a gente muda o que a inércia insiste em manter constante... mas ainda eh constante em mim: eu sei quem eu sou, como sou, do que sou capaz e o que eu quero agora... só ainda não sei como chegar lá... mas sei que do jeito que tá não dá pra ficar... entaum joga as peças tds pro ar e vamos começar esse quebra-cabeça denovo... alguém me acompanha?

E meu querido protagonista: eu não sou um lago... eu sou um Mar Morto, eu sou um copinho d'agua... qq punhado de sal e dor pra mim é demais e qualquer gota a mais transborda... sou um furacão de emoções mal resolvidas, um tsunami interior... e o tempo cura a dor, eu acredito sim... mas as lembranças, ainda bem, ficam...


"Se você quiser
Prender o seu amor
Dê liberdade pra ele
Mas nunca lhe diga adeus
Que adeus é tempo demais

Espera
De repente ele chegar
Com tanta história pra contar
Quem sabe pra repetir
O que você quer ouvir de novo

É um desperdício comum
Dois viver vida de um
Querer viver cada emoção eternamente
Querer viver cada emoção eternamente, não

Eu não ligo para estar sozinha
Pois tenho por companhia
Mil corações onde sou rainha

Pois cada homem que amei
Em cada um eu deixei
Uma pista do meu caminho

É um desperdício comum
Dois viver vida de um"

Cazuza

1 de fev de 2009

Head shot!

Me acertaram em cheio... atingiram o meu EGO, minha auto-estima, meu orgulho... tá me dando um aperto no peito, um vazio, uma sensação de perda, de solidão, de descaminho, de abandono... na verdade eu deveria estar feliz, mas não estou, pq eu sei que já não estou mais por cima da carne seca, nem sou a sócia majoritária de uma "empresa" que até poucos meses atrás era 100% minha... tô descapitalizada (literalmente) e pra outros também não ando valendo muito... to com medo de ter abandonado o navio e ter ficado a deriva... e isso é culpa de uma ligação... só uma... um telefonema com um assunto meio "chato" de um lado e um interlocutor meio "grosso" do outro... pronto... adeus domingo e bom humor... bem vinda Rainha da Inseguração e do Drama! E dai o que a pseudofruta faz? Descarrega em quem não precisa... hehehhe... Eu só quero um cafuné, um chamego e um filminho... nem tô exigindo compromisso atualmente... heheheheh... pode ser de quem estiver mais perto (tipow, na rua debaixo...)

Tô em crise hoje pôxa... me entende... perdi meu monopólio e não tenho nenhuma filial ainda que me dê qualquer lucro... ou seja: CRISE (FINANCEIRA!)

E meu celular não me deixa mentir: foi Head Shot...

E agora que eu desabafei... milagre! Dei uma animadinha... tks always my beloved blog....

"AND WHEN SHE SAYS SHE WANTS SOMEBODY ELSE
I HOPE YOU KNOW THATS SHE DOES'T MEAN YOU
AND WHEN SHE BREAKS DOWN AND MAKES A SOUND
YOU'LL NEVER HEAR HER THE WAY THAT I DO
AND WHEN SHE SAYS SHE WANTS SOMEONE TO LOVE
I HOPE YOU KNOW THAT SHE DOES'T MEAN YOU
AND WHEN SHE BREAKS DOWN AND LETS YOU DOWN
I HOPE YOU KNOW THAT SHE DOESN'T MEAN YOU YEEAH NO NO"