18 de mar de 2011

Uma vez ao dia...

Um pouco de tudo, pelo menos uma vez... no que foi, no que é, no que será... penso no que fica e no que precisa mudar... uma vez ao dia eu rio de doer as bochechas, eu falo uma besteira, eu me arrependo pelo menos uma vez... eu me seguro, eu reflito, eu grito, eu penso em chorar ou em sumir uma ou várias vezes... eu penso em crescer e em voltar pra barra da saia da minha mãe... eu lei, eu escuto, eu assisto, eu digito eu deito, eu levanto, eu viro de um lado pro outro antes de dormir toda noite, uma vez... todo dia nasce um dia diferente e eu repito tanta coisa igual que eu já não sei qual a utilidade de chance após chance transformar todo esse lance em mais um dia banal.... (Pronto, rimei, então posso parar por aqui) "TODO. DIA ELA FAZ TUDO SEMPRE IGUAL ME SACODE ÀS SEIS HORAS DA MANHÃ ME SORRI UM SORRISO PONTUAL E ME BEIJA COM A BOCA DE HORTELÃ"
Published with Blogger-droid v1.6.7